Papangus serão cadastrados em Queimadas

0
62

Os “papangus” (fantasias típicas com máscaras) que quiserem brincar no Carnaval de Queimadas, no Agreste paraibano, devem antes fazer um cadastramento na Prefeitura do município. Cada pessoa deve brincar usando um crachá com nome, número do RG ou CPF e uma foto 3×4. A decisão, divulgada nesta quinta-feira (8), se deve a uma recomendação do Ministério Público.

Segundo a Prefeitura de Queimadas, o MPPB solicitou à Polícia Militar da Paraíba para impedir que pessoas desfilem com máscaras durante o Carnaval 2018. A proibição decorria de uma portaria de 2012, após o caso que ficou conhecido como “Barbárie de Queimadas”, quando cinco mulheres foram vítimas de um estupro coletivo e duas delas foram assassinadas por homens encapuzados.

O procurador do município Murilo Duarte informou que os “papangus” podem participar das festividades este ano em Queimadas, desde que saiam em bloco e o folião se dirija à Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (Secult) para realizar um cadastro com original e cópia dos documentos pessoais de todos os integrantes do bloco. Conforme o procurador, eles deverão informar também o nome e sede do bloco.

Os papangus deverão ainda seguir os horários e itinerários determinados e ao final das festividades, retirarem suas máscaras. Na sexta-feira (9), os representantes dos blocos dos papangus devem comparecer na Procuradoria da Prefeitura de Queimadas e assinar o acordo.

Com G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here